Guerras

Causas da Primeira Guerra Mundial

Causas da Primeira Guerra Mundial

A Primeira Guerra Mundial foi desencadeada pelo assassinato do arquiduque Franz Ferdinand, o herdeiro do trono austro-húngaro. Mas por que a morte de um homem resultou em tantos países se envolvendo em uma guerra mundial onde milhares de pessoas perderiam a vida?

Alianças existentes

A Primeira Guerra Mundial foi praticamente um efeito dominó, onde uma coisa levou à outra. A Áustria-Hungria decidiu que a morte de seu herdeiro era diretamente culpa do governo sérvio e aproveitou a oportunidade para declarar guerra à Sérvia. A Rússia tinha um tratado de defesa com a Sérvia e correu em seu auxílio. A Alemanha tomou o partido da Áustria-Fome contra a Rússia, fazendo com que a França entrasse em guerra, pois eles tinham um tratado com a Rússia. A Grã-Bretanha, que tinha uma aliança com a Bélgica, foi atraída para a guerra, pois a Alemanha teve que passar pela Bélgica para atacar a França e assim por diante.

Luta por territórios

Antes da Primeira Guerra Mundial, os países europeus competiam por colônias. Essa competição por riquezas e territórios aumentara o conflito entre eles, aproximando o mundo da guerra.

Corrida armamentista

No início do século XX, os países estavam envolvidos em uma corrida armamentista. Cada país tentou construir um exército maior que o outro, aumentando suas marinhas e armas. Isso ajudou a empurrá-los para a guerra.

Este artigo é parte de nossa extensa coleção de artigos sobre a Grande Guerra. Clique aqui para ver nosso artigo abrangente sobre a Primeira Guerra Mundial.

Assista o vídeo: Primeira Guerra Mundial: Causas e motivos - História Contada (Novembro 2020).